Roteiro do Vídeo

O assunto de hoje é repertório cultural.

Já ouviu falar nesse termo, repertório?

O Dicionário traz como sinônimo a ideia de lista, de organização de algum assunto.

Mas repertório também tem a ver com o quanto se sabe de um determinado assunto e que exemplos, comparações e conhecimentos anteriores podem ser acessados para formar uma opinião sobre algo.

Quanto mais amplo é o nosso repertório cultural, mais chance temos de abrir nossos horizontes, sair do nosso “quadrado” e se encantar sobre novas culturas, novas formas de ver e pensar o mundo.

No primeiro vídeo a Maira Martins e o Augusto Ordine, músicos cariocas, vão apresentar a cidade de Niterói, no Rio de Janeiro.

E, de quebra, contar do seu envolvimento com esse lugar e apresentar algumas de suas composições melódicas e líricas.

No segundo vídeo, a gente vai te apresentar uma iniciativa muito especial desenvolvida no Twitter, que foi capaz de aumentar o acesso de leitores de todo o Brasil a obras de autores negros, nacionais e internacionais.

Viu que legal?

Então não perca essa sequência e daqui a pouco a gente volta a conversar!

 

 

Vídeo 1: Show Mambembe (Maíra Martins e Augusto Ordine)

Parceiro Realizador: Canal Futura

Duração: 26’50”

 

Vídeo  2: Conexão (O Tinder dos Livros)

Parceiro Realizador: Canal Futura

Duração:  9’

http://www.futuraplay.org/video/o-tinder-dos-livros/515429/

Atividade sugerida para aprender sobre o tema

A atividade de hoje tem a ver com uma ferramenta poderosíssima de aprendizagem: a entrevista.

Hoje você vai bancar o repórter, pegar caneta e papel e escolher alguém bem fora do seu círculo próximo de amizade pra entrevistar.

Se você é chegado em samba, tente falar com alguém que curte música clássica.

Se o seu barato é YouTube, fale com alguém que seja fissurado em livros físicos.

Pensou nessa pessoa?

Então agora você vai elaborar uma lista de perguntas sobre as principais referências que esse entrevistado traz, seus gostos culturais e a razão de sua paixão.

Será que tem a ver com o artista em si?

Ou com o gênero artístico escolhido?

E peça também, ao final, para que essa pessoa te indique alguns exemplos bacanas desse universo para você conhecer um pouco mais sobre esse assunto.

Ao final, sabe o que terá acontecido?

Você terá aumentado significativamente seu repertório cultural!!

 

Como saber se a atividade está correta?

Um bom roteiro de entrevista inclui alguns itens básicos:

Apresente-se para seu entrevistado; informe sobre os objetivos da conversa e sobre como você vai registrar as informações coletadas.

Peça autorização prévia para uso das informações dadas, caso queira replicá-las em textos ou redes sociais, por exemplo.

Depois disso, peça que seu entrevistado se apresente, falando nome completo, idade, formação, local de nascimento e moradia e principais interesses profissionais.

Agora é o momento de entrar na pauta cultural.

Peça para que ele diga o que o levou a se interessar pelo gênero artístico em questão, quando, por quais motivos, e se houve influência de alguém que abriu as portas para esse universo.

Pergunte também sobre lembranças agradáveis que esse tipo de manifestação artística ou cultura lhe traz.

Para finalizar, peça para ele indicar algumas obras básicas para cativar o olhar e o interesse de um iniciante no assunto como você.

Agradeça pelo tempo dedicado e informe qual retorno da entrevista será feito.

Pode ser desde um email ou mensagem de agradecimento até compartilhar com seu entrevistado um momento onde você esteja usufruindo do conhecimento compartilhado por ele!

Para saber mais, é só apontar a câmera do celular para o QR code que aparece na tela.

Até a próxima!