Habilidades BNCC

  • EF09LP12
    Identificar estrangeirismos, caracterizando-os segundo a conservação, ou não, de sua forma gráfica de origem, avaliando a pertinência, ou não, de seu uso.
  • EM13LGG403
    Fazer uso do inglês como língua de comunicação global, levando em conta a multiplicidade e variedade de usos, usuários e funções dessa língua no mundo contemporâneo.
Roteiro do Vídeo

Hackear, linkar, logar, deletar, stalkear…

Todas essas palavras têm algo em comum. Você sabe dizer o que?

São palavras da língua inglesa que foram incorporadas e adaptadas para a nossa língua.

Hoje são utilizadas e entendidas por muitas pessoas no Brasil.

Mas, tem uma outra coisa interessante sobre elas.

Todas fazem parte do mesmo contexto: o virtual.

Com o crescimento da comunicação online nas últimas décadas, estamos mais conectados do que nunca com outros lugares do mundo.

E, consequentemente, com outras línguas!

Agora, você vai conhecer um pouco mais sobre essa cultura hiperconectada. Tente prestar atenção nos termos utilizados.

Quais deles são estrangeiros? Você consegue entender todos?

Depois vamos compreender melhor o que significa Vlog e como funciona essa forma de comunicação!

Vídeo 1: Expresso Futuro | Temp. 2 – Cultura Hiperconectada
Parceiro realizador: Canal Futura
Duração: 25:50’
http://www.futuraplay.org/video/cultura-hiperconectada/436711/

 

Vídeo 2: Vlog opinativo: características da fala dos vloggers
Parceiro realizador: Khan Academy
Duração: 8’

Atividade sugerida para aprender sobre o tema

Hoje você viu que o “estrangeirismo” é um fenômeno linguístico que empresta palavras ou expressões de uma língua estrangeira incorporando-as a outra língua.

Esse é o caso, por exemplo, de futebol, forma aportuguesada de football.

Por conta da hiperconectividade, muitos novos termos foram adicionados ao vocabulário popular.

Hoje, palavras como “vlog” e “vloggers” já são entendidas por muitas pessoas.

Agora que conheceu alguns termos e percebeu um pouco mais sobre como essa mistura de línguas acontece, que tal criar o seu próprio dicionário de estrangeirismos?

Junto com amigos ou pessoas que moram com você, pense em palavras conhecidas que não parecem ser da nossa língua.

E outras que até parecem, mas você desconfia que sejam estrangeiras.

Depois, façam uma pesquisa para entender o seu significado e origem, anotando as descobertas. E finalizem criando um cartaz com essas explicações!

Como saber se a atividade está correta?

Se na sua lista você anotou palavras como OK, PIZZA, HOT DOG, DESIGN, JEANS, SHOPPING, GARÇOM, MARKETING E SHOW, você está no caminho certo!

Essas são palavras bem comuns no vocabulário de muitos brasileiros.

E, claro, existem muitas outras.

O importante é que você tenha feito um trabalho de observação das palavras faladas no dia a dia que são estrangeiras, pesquisando seu significado e também sua origem.

Para saber mais, basta apontar a câmera do celular para o QR code que está na tela.

Até a próxima!