Habilidades BNCC

  • EM13CHS202
    Analisar e avaliar os impactos das tecnologias na estruturação e nas dinâmicas de grupos, povos e sociedades contemporâneos (fluxos populacionais, financeiros, de mercadorias, de informações, de valores éticos e culturais etc.), bem como suas interferências nas decisões políticas, sociais, ambientais, econômicas e culturais.

Para saber mais

Acesse estes links/video/livro….

  1. ARRAIS, Daniela. Detox Digital. In: Trip, 04 out 2019. Disponível em: <https://revistatrip.uol.com.br/tpm/detox-digital-saiba-como-identificar-se-sua-relacao-com-a-internet-esta-prejudicando-sua-saude>. Acesso em: 30 abr 2020.
  2. FONSECA, André Azevedo da. Qual o verdadeiro papel dos ‘haters’ na internet? In: Huffpost, 23 nov 2016. Disponível em: <https://www.huffpostbrasil.com/andre-azevedo-da-fonseca/qual-o-verdadeiro-papel-dos-haters-na-internet_b_12710480.html>. Acesso em: 30 abr 2020.
  3. HSU, Tiffany. Detox digital pode ser tóxico para a propaganda. In: Estadão, 15 jan 2020. Disponível em: <https://economia.estadao.com.br/noticias/geral,detox-digital-pode-ser-toxico-para-a-propaganda,70003155491>. Acesso em: 30 abr 2020.
  4. RONSON, Jon. Humilhado: como a era da internet mudou o julgamento público. Rio de Janeiro: Best Seller, 2018.
  5. SAFERNET. O que é ciberbullying? Disponível em: <https://new.safernet.org.br/content/o-que-e-ciberbullying>. Acesso em: 30 abr 2020.

Roteiro do Vídeo

Apesar de metade do país ainda não ter acesso contínuo à internet, estar online é cada vez mais uma realidade para os brasileiros.

Usamos a internet para trocar mensagens, ler notícias ou acompanhar as novidades nas redes sociais.

Além das diversas facilidades também presentes, como os serviços bancários ou compras online.

Por outro lado, passadas algumas décadas, já conseguimos também ver os lados negativos da conexão constante.

O vício em estar online e a atuação de haters e trolls levam algumas pessoas a optar por uma vida desconectada.

E você? Interagir no mundo digital faz parte do seu dia a dia?

Você conseguiria abrir mão do seu celular?

Ao longo da aula vamos discutir os benefícios e os malefícios da vida online.

E também as possíveis soluções para os problemas que surgem.

Espero que gostem!

Vídeo 1: Haters e trolls | Projeto Meme
Parceiro realizador:  Canal Futura
Duração: 13’59’’

Vídeo 2: Desconectar é preciso | Expresso Futuro com Ronaldo Lemos
Parceiro realizador:  Canal Futura
Duração: 27’03’’

Atividade sugerida para aprender sobre o tema

Você já tinha ouvido falar dessa onda de haters e trolls na internet?

Já sofreu com isso ou conhece alguém que já foi alvo?

Explique a diferença entre essas duas expressões e as alternativas para que a internet não se torne um ambiente tão tóxico.

O segundo vídeo fala da nossa relação com o ambiente digital.

De acordo com os entrevistados, qual a melhor forma de lidar com o vício digital?

Como saber se a atividade está correta?

De acordo com a psicóloga Beatriz Breves, a “trollagem” é uma forma de jogo e manipulação.

Um tipo de pegadinha, na qual o autor gosta de ver a vítima sofrendo.

Já o hater, dissemina o ódio puro. Uma agressão com pouco sentido.

No Brasil, as leis que regem o mundo real também regem o mundo virtual.

Assim, uma pessoa que se sinta ofendida ou alvo de um troll pode entrar na justiça.

Algumas empresas contam também com um departamento de moderação.

Se uma mensagem é denunciada por muitas pessoas, ela é retirada do ar.

Todos são unânimes em dizer que não é uma questão de jogar o seu celular fora, mas conseguir se relacionar com o fluxo de informações online de forma madura.

James Williams sugere que você desligue todas as notificações do celular que não são de pessoais reais;

reorganize a tela de acesso do seu celular, deixando apenas os aplicativos úteis na primeira página;

e carregue o celular longe da sua cama.

Para saber mais, basta acessar o QR code que aparece aqui na tela.

Até a próxima!