Habilidades BNCC

  • EF89LP32
    Analisar os efeitos de sentido decorrentes do uso de mecanismos de intertextualidade (referências, alusões, retomadas) entre os textos literários, entre esses textos literários e outras manifestações artísticas (cinema, teatro, artes visuais e midiáticas, música), quanto aos temas, personagens, estilos, autores etc., e entre o texto original e paródias, paráfrases, pastiches, trailer honesto, vídeos-minuto, vidding, dentre outros.
  • EM13LGG603
Roteiro do Vídeo

Hoje iremos falar sobre as adaptações de obras literárias para o cinema.

Livros que foram transformados em roteiros, e reapresentados com a linguagem das telonas.

Você conhece algum texto que virou filme?

Vamos começar a aula com um vídeo sobre Harry Potter e sua adaptação cinematográfica.

Depois, vamos compreender quais são os obstáculos na troca de linguagens entre literatura e cinema.

Por fim, vamos assistir à dramatização de um conto do escritor gaúcho Luís Fernando Veríssimo. Esse será um exemplo útil para visualizar o desafio que você receberá mais tarde!

Vamos lá!

Vídeo 1: Repórter Brasil | Saga Harry Potter completa 20 anos 

Parceiro realizador: TV Brasil

Duração: 01’56”

https://tvbrasil.ebc.com.br/reporter-brasil/2017/06/saga-harry-potter-completa-20-anos?page=12

 

Vídeo 2: Trilha de Letras | Adaptação de obras para o cinema (9’34” a 27’19”)

Parceiro realizador: TV Brasil

Duração: 17’45”

https://tvbrasil.ebc.com.br/trilha-de-letras/2017/12/adaptacao-de-obras-para-o-cinema

 

Vídeo 3: Mostre a língua – Língua Portuguesa – Ens. Médio  

Parceiro realizador: Fundação Roberto Marinho

Duração: 15’29 ”

 

Atividade sugerida para aprender sobre o tema

Hoje você conheceu novas formas de se analisar as adaptações literárias.

Para os especialistas, por exemplo, um filme adaptado nunca será completamente fiel ao livro original, porque cada tipo de linguagem tem seu estilo próprio de contar uma história.

Já a adaptação do conto de Luís Fernando Veríssimo e o exemplo de Harry Potter mostraram que passar uma história dos livros para o audiovisual pode ter diferentes finalidades.

Com essas informações na cabeça, pense:

Qual texto gostaria de transformar em filme?

Como faria isso?

Que tal tentar?

Junto com alguns amigos, procure uma pequena história escrita.

Depois, tentem juntos transformar isso em um roteiro e, se puderem, gravem sua adaptação utilizando os recursos disponíveis.

Caso não seja possível gravar, façam uma encenação da história roteirizada.

Isso tudo quando você puder voltar às aulas, ou, cada um da sua casa!

Como saber se a atividade está correta?

Na preparação de um roteiro é importante considerar as características desse gênero.

Apesar das especificidades, no geral eles apresentam:

  • Cenasnumeradas.
  • As falas de todos as personagens, com indicação para os atores.
  • Descriçãode cenários.
  • Horário em que as cenas devem ser gravadas e se as cenas devem ser gravadas em estúdio ou em ambiente externo.
  • Rubricas com informações sobre o que as personagens fazem na cena, como devem se portar e quando entram ou saem do ambiente.

Vale a pena pesquisar um pouco mais antes de escrever seu roteiro.

Depois disso, é preciso ensaiar, para saber se as especificações do roteiro funcionam.

Finalmente, é hora de fazer a gravação ou chamar todo mundo para assistir à encenação que você e seus amigos prepararam!!

Se quiser saber mais, é só apontar a câmera do celular para o QR code que aparece na tela.

Até a próxima!