Voltar

Para saber mais

(vídeo “Toda criança tem direitos”)

 

https://brasilescola.uol.com.br/sociologia/eca.htm

(Estatuto da Criança e do Adolescente – resumo)

Roteiro do Vídeo

Seis em cada dez crianças e adolescentes brasileiros vivem em situação de pobreza ou tem pelo menos um direito fundamental violado.

Segundo estudiosos, treze milhões dessas crianças e jovens não têm saneamento básico;

Dois milhões e meio estão fora da escola;

E quase três milhões vivem situações de trabalho infantil.

Hoje vamos conversar sobre o Estatuto da Criança e do Adolescente.

Esse é um instrumento que já completa 29 anos e que representa avanços muito importantes na proteção de crianças e adolescentes no país.

Mas existem problemas que ainda precisam ser enfrentados.

Preste bastante atenção nesse vídeo e descubra quais desafios ainda existem e porquê!

Vídeo 1: CONEXÃO (Estatuto da Criança e do Adolescente)

Parceiro realizador: Canal Futura

Duração: 25’37”

Atividade sugerida para aprender sobre o tema

Toda criança e adolescente tem direitos que precisam ser respeitados e garantidos.

Para a atividade de hoje você vai precisar de papel e caneta.

Também precisará pesquisar na internet algumas informações importantes.

Ela será dividida em três etapas.

Etapa 1- Ponha sua imaginação para funcionar e liste todos os direitos que você deveria ter.

Pode começar com algo simples, como:

Direito a ter uma casa, direito a comer, direito a aprender…  E por aí vai.

Etapa 2- Depois de pensar e anotar esses direitos, pesquise na internet para saber quais são os direitos previstos e garantidos pelo Estatuto da Criança e do Adolescente.

Depois veja se a sua lista se aproximou do que foi pensado para a infância e juventude no Brasil.

Agora perceba se todos os direitos que estão lá vêm sendo alcançados.

Por que é tão difícil garantir esses direitos?

A terceira etapa da atividade é pensar e anotar as razões pelas quais você acredita que seja tão desafiador cumprir o que está previsto no estatuto num país como o Brasil, com tantos problemas, desigualdades e diversidade.

 

Como saber se a atividade está correta?

São muitos os direitos e deveres envolvidos.

Mas, a prioridade do estatuto é garantir os direitos referentes à vida, à saúde, à alimentação, à educação, ao esporte, ao lazer, à profissionalização, à cultura, à dignidade, ao respeito, à liberdade e à convivência familiar e comunitária das crianças e dos adolescentes.

A implementação do Estatuto segue sendo um desafio.

Uma das razões é o desconhecimento do conteúdo da Lei, apesar de suas quase três décadas de existência.

Mesmo para muitos profissionais envolvidos na área.

O assunto também parece não atrair o interesse da grande mídia.

Só é lembrado em casos de violência cometida por adolescentes, gerando uma imagem negativa do Estatuto e desinformando a população sobre seu propósito.

Para saber mais, é só apontar a câmera do celular para o QR code que está na tela.

Bom estudo!