Voltar

Habilidades BNCC

  • EF06HI02
    Identificar a gênese da produção do saber histórico e analisar o significado das fontes que originaram determinadas formas de registro em sociedades e épocas distintas

Para saber mais

Acesse estes links/video/livro….

Aplicativo para Android: Guia Cemitério Consolação. Disponível em: <https://catracalivre.com.br/agenda/cemiterio-consolacao-tour-guiado-gratuito/>. Acesso em: 07 abr 2020.

BORGES, Maria Elizia. Arte Funerária Brasil. Disponível em: <https://www.artefunerariabrasil.com.br/>. Acesso em: 07 abr 2020.

LEAL, Bruno. Uma história da arte funerária egípcia: entrevista com Ronaldo G. Gurgel Pereira. Café História: história feita com cliques, 2019. Disponível em: <https://www.cafehistoria.com.br/arte-funeraria-egipcia/>. Acesso em: 07 abr 2020.

RAVI, Salman. Por que o Taj Mahal corre o risco de desaparecer. BBC, 2019. Disponível em: <https://www.bbc.com/portuguese/internacional-46732097>. Acesso em: 07 abr 2020.

Roteiro do Vídeo

Objetivo de aprendizagem

Analisar a arte funerária levando em consideração a sua historicidade e a sua importância como documento histórico de diversas sociedades.

Formas de registro da história e da produção do conhecimento histórico: (EF06HI02) Identificar a gênese da produção do saber histórico e analisar o significado das fontes que originaram determinadas formas de registro em sociedades e épocas distintas.

Olá a todos! Hoje, veremos a importância histórica e artística dos cemitérios.

Vocês já visitaram algum?

Já repararam nas diversas estátuas de cenas bíblicas, anjos e cruzes encontradas por lá?

Ou já pensaram que grandes monumentos históricos, como as pirâmides e o Taj Mahal, são na verdade construções funerárias?

Ao longo do vídeo que vamos assistir agora, prestem atenção nas explicações da professora Dra. Maria Elizia Borges.

Ela vai falar sobre esses lugares, que geralmente são esquecidos pela população.

Vídeo 1: Viver Ciência [AO VIVO] – Arte funerária
Parceiro realizador:  TV UFG
Duração: 31’43’’

Atividade sugerida para aprender sobre o tema

Após essa aula, vocês devem ter percebido a forte ligação entre os cemitérios e a História, não é?

Agora, vocês conseguiriam explicar como esses locais podem ser uma importante fonte de pesquisa para historiadores e arqueólogos?

Ao longo do vídeo, há uma entrevista com duas crianças.

Vocês têm as mesmas opiniões do que elas? Por quê?

Por fim, vocês conhecem rituais funerários de povos de outras épocas?

Escrevam sobre isso ou imaginem como seria, e contem numa história de 1 página!

Como saber se a atividade está correta?

Ao ir em um cemitério, vocês já devem ter percebido que os túmulos trazem diversas informações, como a data de nascimento e morte da pessoa, assim como o nome da família.

Esses dados podem ser utilizados pelo historiador para entender a dinâmica populacional de uma região no passado.

Além disso, as diversas obras de arte que apareceram no programa de hoje, revelam outras informações, desde o gosto estético de uma determinada região e época, até crenças sobre a morte daquele povo.

Duas imagens enigmáticas apareceram hoje. A primeira, era uma pirâmide, túmulo dos faraós egípcios. A segunda, o Taj Mahal, que é um mausoléu construído na Índia, entre 1632 e 1653, pelo imperador Shah Jahan para a sua esposa.

Agora que já conheceram tudo isso, é hora de produzir o texto!

E eu vou ficando por aqui.

Para saber mais é só ler o QR code que aparece aqui na tela!

Um beijo e até a próxima!